Pr Orimar Carneiro

Pr Orimar Carneiro

Pastor no MiR PBS

MiR Parauapebas

Texto:  Atos 3:19

“Arrependei-vos, pois, e convertei-vos, para que sejam apagados os vossos pecados, de sorte que venham os tempos de refrigério, da presença do Senhor” (Atos 3:19).

INTRODUÇÃO

Arrependimento significa “mudar de direção” ou “mudar o pensamento”. Deus nos ajuda a chegar ao verdadeiro arrependimento (2 Timóteo 2:25).

Após sermos trazidos por Deus para o Seu Reino, o arrependimento de todos os nossos pecados torna-se o ponto de início da nossa relação com Ele. Sem o verdadeiro arrependimento estaremos separados de Deus. Jamais o Senhor rejeitará um coração quebrantado. Ele sempre estenderá a Sua mão para nos salvar“Eis que a mão do Senhor não está encolhida, para que não possa salvar; nem o seu ouvido, agravado, para não poder ouvir. Mas as vossas iniquidades fazem divisão entre vós e o vosso Deus, e os vossos pecados encobrem o seu rosto de vós, para que vos não ouça” (Isaías 59:1-2). 

1.   ARREPENDIMENTO: UM PRESENTE DE DEUS

A vontade perfeita de Deus é que todos os homens se arrependam e se tornem Seus filhos (2Pedro 3:9), a fim de gozarem as bênçãos que já estão preparadas para eles desde a fundação do mundo. Esse é o grande presente de Deus para o pecador. No entanto, para que isso aconteça, o Espírito Santo convencerá o homem do “pecado, da justiça e do juízo” (João 16:8). Assim Deus, com Sua grande, maravilhosa e infinita misericórdia, nos conduzirá ao verdadeiro arrependimento (Rm 2:4). Quando nos arrependemos tomamos a decisão de agir de maneira diferente, deixando os pecados que cometemos ao longo da nossa vida. Começamos então, a lutar contra o pecado, a fim de vivermos de maneira diferente, com uma consciência limpa. O arrependimento genuíno traz o perdão de Deus que livra o homem de toda culpa e o leva a uma mudança de vida. Mas, para que isso aconteça, ele precisa receber Jesus como seu Salvador e Senhor. 

2.   ARREPENDIMENTO: MUDANÇA DE VIDA

Arrependimento gera confissão de pecados, pedido de perdão a Deus e mudança de ideias e atitudes. A pessoa que se arrepende dos seus erros deve viver de forma que agrada a Deus e abrir o coração para aceitar a correção do Senhor e aprender como viver conforme a Palavra de Deus. Isso a levará a abandonar o pecado e se esforçar para viver corretamente, lutando para vencer as tentações e sempre buscando viver em santidade. Assim, com a ajuda de Jesus, pode rejeitar o pecado e escolher fazer o que é certo, resistindo ao diabo e às suas investidas (Tiago 4:7-8).


CONCLUSÃO

Para se arrepender, a pessoa precisa reconhecer que pecou. Ela fica triste, porque entende que o seu pecado feriu o coração de Deus. Por isso, pede – lhe perdão. A salvação acontece quando uma pessoa se arrepende de seus pecados e toma a decisão de voltar para Deus, pois o arrependimento muda tudo. Amém!

Marcado sob

Texto: “Romanos 5:6-11

INTRODUÇÃO

O desejo do coração de Deus é abençoar o homem, sua mais preciosa criação, em todas as áreas da sua vida. Todo aquele que se aproximar de Deus, certamente será abençoado, pois Ele é galardoador dos que o buscam (Hb 11.6). A salvação é a maior e a mais importante e preciosa bênção que Deus proporcionou ao homem. O Sua vontade é “que todos os homens sejam salvos e cheguem ao conhecimento da verdade.” (1Tm 2:4).

1. SALVAÇÃO: UM PROPÓSITO ETERNO

O plano redentor de Deus foi elaborado antes mesmo da fundação do mundo, segundo a presciência divina (presciência significa saber antes de acontecer), ou seja, Deus preparou a nossa Salvação desde a Eternidade. Ele estende o Seu amor a todos aqueles que recebem Jesus em seus corações como Senhor e Salvador, perdoando-lhes os pecados e dando-lhes a vida eterna (Ef 1:3-8).

Recebemos a salvação por uma decisão de entregar nossa vida a Cristo, o que deve ser seguido por um processo de santificação a Deus (2Ts 2:13-14).

2. SALVAÇÃO: PROPÓSITO DE DEUS PARA HOJE

Através da misericórdia de Deus o plano da Salvação se cumpre, hoje, na vida daqueles que se entregam a Jesus. Deus é rico em misericórdia e a Sua misericórdia dura para sempre e é por isto que não somos consumidos pelos nossos pecados (Is 54:10; Lm 3:22-23). A bondade e a misericórdia do Senhor estão sempre disponíveis a nós. Através da nossa regeneração Deus nos torna livres de qualquer acusação por parte do inimigo (Tito 3:4-7).

3. SALVAÇÃO: UMA RECOMPENSA ETERNA

Embora o plano da salvação tenha sido elaborado desde a eternidade, ele se cumpre hoje em nossas vidas e nos dá uma garantia futura de Vida Eterna com Deus. Isso acontece pela confirmação da nossa fé.

A nossa decisão de seguir a Cristo, mesmo em meio às dificuldades e provações, confirmará a nossa fé naquele que pode e quer nos salvar (Marcos 16:16).

Deus manifestou a Sua graça enviando Seu único Filho para ser crucificado e morto em nosso lugar, dando-nos, assim, a Salvação, mesmo quando, por causa dos nossos pecados, não merecíamos. A aceitação dessa graça fará com que o Propósito da Salvação se cumpra na vida do homem. (Tito 2:11-14).

CONCLUSÃO

Concluímos, então, que a nossa salvação é o proposito principal de Deus para o pecador. Mas, para que isto aconteça é preciso tomar a decisão de receber Jesus em seu coração, pedindo para que Ele entre em sua vida e seja o seu Salvador e Senhor!

Marcado sob

Texto:   Hb 4:12

INTRODUÇÃO

A Palavra de Deus é a revelação de Deus à humanidadeEla está contida na Bíblia, que é o conjunto de todos os livros escritos por inspiração do Espírito Santo. Por isso, ela é “viva e eficaz, e mais penetrante do que qualquer espada de dois gumes, e penetra até a divisão da alma e do espírito e das juntas e medulas e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração”. (Hebreus 4:12). A Palavra de Deus dá vida, salva, cura, liberta e santifica aos que n’Ele creem. Ela é tão essencial para nossas vidas quanto a comida que alimenta o nosso corpo, como está escrito: “nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra que sai da boca de Deus” (Mateus 4:4).  Por isso, é importante entender o que é a Palavra de Deus e procurar vivê-la e conhecê-la.

1.  A BÍBLIA É UMA INSPIRAÇÃO DE DEUS

A Bíblia é a Palavra de Deus, porque foi escrita por inspiração de DeusAs pessoas que escreveram os livros da Bíblia foram inspiradas pelo Espírito Santo, que lhes revelou Sua Palavra: “Porque a profecia nunca foi produzida por vontade de homem algum, mas os homens santos de Deus falaram inspirados pelo Espírito Santo” (2 Pedro 1:21). Deus não apenas inspirou os autores da Bíblia. Em várias partes dela, o próprio Deus fala direta e audivelmente às pessoas. Muitas passagens são citações das palavras que o próprio Deus falou. Sendo a Bíblia a Palavra de Deus, ela nos ensina tudo que é importante para uma vida reta, de santidade e fidelidade ao Senhor: “Toda a Escritura, divinamente inspirada é proveitosa para ensinar, para repreender, para corrigir, para instruir em justiça” (2 Timóteo 3:16). Por essa razão nela aprendemos como Deus interage conosco e tem agido ao longo da história para nos transformar, libertar e nos dar a vida eterna. Foi para isso que Jesus veio ao mundo.

2.   JESUS É A PALAVRA DE DEUS

A Bíblia apresenta Jesus como sendo o Verbo, a Palavra de Deus que se fez carne.  Ele veio para habitar entre nós: “E o verbo se fez carne e habitou entre nós e vimos a sua glória, como a glória do unigênito do Pai, cheio de graça e de verdade” (João 1:14). A Palavra de Deus é viva e tem poder para nos transformar e libertar. Quando Deus fala Ele se revela a nós. Jesus foi a maior revelação de Deus, porque Ele é Deus que se apresentou em forma humana. As palavras de Jesus eram as palavras de Deus e tudo que Ele fazia era pelo poder de Deus, respaldado pelo Espírito Santo (João 14:9-11).


CONCLUSÃO

A Palavra de Deus tem duração eterna (1Pedro 1:23). Nela devemos apoiar nossas vidas. Ela é a verdade de Deus que nos afirma que se com a nossa boca confessarmos ao Senhor Jesus e em nosso coração crermos que Deus o ressuscitou dos mortos, seremos salvos (Romanos 10:9). Aleluia!

Marcado sob

Programações

Blog do MiR PBS