26 Dezembro 2017 Publicado em Células Escrito por 

Conquistando a Promessa

Avalie este item
(0 votos)

Texto: “Josué 6:1-5

INTRODUÇÃO:

Este é o tempo, esta é a hora, esta é a nossa vez. Já fomos libertos do medo, já atravessamos o deserto da incerteza, já renovamos a nossa esperança em Deus na certeza de que tudo já deu certo, Agora só nos resta tomar posse da promessa que conquistamos.

  1. COMO CONQUISTAR UMA PROMESSA

Nenhuma promessa é conquistada com legalidades e questionamentos na alma. Muitas vezes Deus permite que passemos pelo deserto da vida a fim de moldar o nosso caráter para vivermos as grandes bênçãos que Ele já preparou para nós. As promessas de Deus são conquistadas com armas espirituais e nunca com a força humana (2Co 10:4). Aqueles que querem conquistar as promessas do Pai, não ficam prostrados no deserto, mas tomam decisões corretas e agem em busca da bênção. É no deserto que aprendemos a administrar nossas necessidades e os nossos recursos. No deserto, a nossa alma revela a sua maturidade e fé. O mais importante não é saber como se entrou no deserto, mas como se vai sair dele, pois, como diz o adágio popular: “o deserto tem muitas portas de entrada, mas apenas uma de saída – a porta da promessa”.

  1. COMO CONQUISTAR NOSSAS PROMESSAS

Quando Deus deu a Josué a estratégia para derrubar a muralha de Jericó, ele não questionou, nem ficou assustado com aquela estranha estratégia, mas creu,  de todo coração, n’Aquele que lhe havia feito a promessa: “Olha, tenho dado na tua mão a Jericó e ao seu rei, os seus valentes e valorosos.” (Js 6.2). Podemos até ser assaltados pela dúvida, pois, o fato de sermos crentes, não nos isenta disto, porém, temos a nosso alcance a Palavra de Deus. Somente ela pode forjar, em nosso coração, uma fé inabalável. Além do mais, como diz a Palavra, nosso Deus é fiel: “Retenhamos firmes a confissão da nossa esperança, pois fiel é o que prometeu.” (Hb 10:23) Josué acreditou tanto em Deus que fez exatamente o que lhe foi ordenado, não inventou coisa alguma, não tentou ajudar a Deus, apenas obedeceu a orientação recebida. Creia e tome posse do que é seu por direito de herança, “sabendo que para isto fostes chamados, para que por herança alcanceis a bênção.“ (1Pe 3:9).

 

CONCLUSÃO:

Conquistamos um território, mas, assim como foi com o povo de Israel, existem gigantes opositores que tentam nos intimidar para que não tomemos  posse do território que nos foi dado como cumprimento de uma promessa. A nossa força está atrelada à nossa comunhão com Deus. Se Ele está realmente na nossa vida, não haverá conquista impossível. Somos uma igreja que se move nos dons do Espírito Santo e por isto temos a força para conquistar nossas promessas. È a nossa comunhão com o Espírito Santo que vai definir o nosso nível de conquista.

É tempo de você conquistar a promessa que lhe foi dada. Portanto, decida andar da presença do Espírito Santo e tome posse do que é seu por herança.

 

Ler 40 vezes
  • Pr Orimar Carneiro

    Pastor no MiR PBS

    MiR Parauapebas

    Website.: twitter.com/orimarcarneiro

    Deixe um comentário

    Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

    Programações

    Blog do MiR PBS