MiR PBS - Estudos de Célula
Segunda, 30 Setembro 2019 17:20

O PROPÓSITO DA SALVAÇÃO

Texto: “Romanos 5:6-11

INTRODUÇÃO

O desejo do coração de Deus é abençoar o homem, sua mais preciosa criação, em todas as áreas da sua vida. Todo aquele que se aproximar de Deus, certamente será abençoado, pois Ele é galardoador dos que o buscam (Hb 11.6). A salvação é a maior e a mais importante e preciosa bênção que Deus proporcionou ao homem. O Sua vontade é “que todos os homens sejam salvos e cheguem ao conhecimento da verdade.” (1Tm 2:4).

1. SALVAÇÃO: UM PROPÓSITO ETERNO

O plano redentor de Deus foi elaborado antes mesmo da fundação do mundo, segundo a presciência divina (presciência significa saber antes de acontecer), ou seja, Deus preparou a nossa Salvação desde a Eternidade. Ele estende o Seu amor a todos aqueles que recebem Jesus em seus corações como Senhor e Salvador, perdoando-lhes os pecados e dando-lhes a vida eterna (Ef 1:3-8).

Recebemos a salvação por uma decisão de entregar nossa vida a Cristo, o que deve ser seguido por um processo de santificação a Deus (2Ts 2:13-14).

2. SALVAÇÃO: PROPÓSITO DE DEUS PARA HOJE

Através da misericórdia de Deus o plano da Salvação se cumpre, hoje, na vida daqueles que se entregam a Jesus. Deus é rico em misericórdia e a Sua misericórdia dura para sempre e é por isto que não somos consumidos pelos nossos pecados (Is 54:10; Lm 3:22-23). A bondade e a misericórdia do Senhor estão sempre disponíveis a nós. Através da nossa regeneração Deus nos torna livres de qualquer acusação por parte do inimigo (Tito 3:4-7).

3. SALVAÇÃO: UMA RECOMPENSA ETERNA

Embora o plano da salvação tenha sido elaborado desde a eternidade, ele se cumpre hoje em nossas vidas e nos dá uma garantia futura de Vida Eterna com Deus. Isso acontece pela confirmação da nossa fé.

A nossa decisão de seguir a Cristo, mesmo em meio às dificuldades e provações, confirmará a nossa fé naquele que pode e quer nos salvar (Marcos 16:16).

Deus manifestou a Sua graça enviando Seu único Filho para ser crucificado e morto em nosso lugar, dando-nos, assim, a Salvação, mesmo quando, por causa dos nossos pecados, não merecíamos. A aceitação dessa graça fará com que o Propósito da Salvação se cumpra na vida do homem. (Tito 2:11-14).

CONCLUSÃO

Concluímos, então, que a nossa salvação é o proposito principal de Deus para o pecador. Mas, para que isto aconteça é preciso tomar a decisão de receber Jesus em seu coração, pedindo para que Ele entre em sua vida e seja o seu Salvador e Senhor!

Publicado em Células
Segunda, 23 Setembro 2019 08:38

A Eterna Palavra de Deus

Texto:   Hb 4:12

INTRODUÇÃO

A Palavra de Deus é a revelação de Deus à humanidadeEla está contida na Bíblia, que é o conjunto de todos os livros escritos por inspiração do Espírito Santo. Por isso, ela é “viva e eficaz, e mais penetrante do que qualquer espada de dois gumes, e penetra até a divisão da alma e do espírito e das juntas e medulas e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração”. (Hebreus 4:12). A Palavra de Deus dá vida, salva, cura, liberta e santifica aos que n’Ele creem. Ela é tão essencial para nossas vidas quanto a comida que alimenta o nosso corpo, como está escrito: “nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra que sai da boca de Deus” (Mateus 4:4).  Por isso, é importante entender o que é a Palavra de Deus e procurar vivê-la e conhecê-la.

1.  A BÍBLIA É UMA INSPIRAÇÃO DE DEUS

A Bíblia é a Palavra de Deus, porque foi escrita por inspiração de DeusAs pessoas que escreveram os livros da Bíblia foram inspiradas pelo Espírito Santo, que lhes revelou Sua Palavra: “Porque a profecia nunca foi produzida por vontade de homem algum, mas os homens santos de Deus falaram inspirados pelo Espírito Santo” (2 Pedro 1:21). Deus não apenas inspirou os autores da Bíblia. Em várias partes dela, o próprio Deus fala direta e audivelmente às pessoas. Muitas passagens são citações das palavras que o próprio Deus falou. Sendo a Bíblia a Palavra de Deus, ela nos ensina tudo que é importante para uma vida reta, de santidade e fidelidade ao Senhor: “Toda a Escritura, divinamente inspirada é proveitosa para ensinar, para repreender, para corrigir, para instruir em justiça” (2 Timóteo 3:16). Por essa razão nela aprendemos como Deus interage conosco e tem agido ao longo da história para nos transformar, libertar e nos dar a vida eterna. Foi para isso que Jesus veio ao mundo.

2.   JESUS É A PALAVRA DE DEUS

A Bíblia apresenta Jesus como sendo o Verbo, a Palavra de Deus que se fez carne.  Ele veio para habitar entre nós: “E o verbo se fez carne e habitou entre nós e vimos a sua glória, como a glória do unigênito do Pai, cheio de graça e de verdade” (João 1:14). A Palavra de Deus é viva e tem poder para nos transformar e libertar. Quando Deus fala Ele se revela a nós. Jesus foi a maior revelação de Deus, porque Ele é Deus que se apresentou em forma humana. As palavras de Jesus eram as palavras de Deus e tudo que Ele fazia era pelo poder de Deus, respaldado pelo Espírito Santo (João 14:9-11).


CONCLUSÃO

A Palavra de Deus tem duração eterna (1Pedro 1:23). Nela devemos apoiar nossas vidas. Ela é a verdade de Deus que nos afirma que se com a nossa boca confessarmos ao Senhor Jesus e em nosso coração crermos que Deus o ressuscitou dos mortos, seremos salvos (Romanos 10:9). Aleluia!

Publicado em Células
Segunda, 16 Setembro 2019 08:50

Fazendo a Vontade de Deus

Texto:   1 Coríntios 10:23-24

INTRODUÇÃO

Todos nós que conhecemos a Deus, somos confrontados diariamente com o desafio de entendermos se nosso procedimento está de acordo com a Sua Palavra, e se estamos fazendo a Sua perfeita vontade.

1.   COMO CONHECER A VONTADE DE DEUS

Assim nos diz a Palavra: “Todas as coisas me são lícitas” (v.23). É claro que Paulo não estava falando em termos absolutos, pois não temos permissão de fazer o que a Palavra de Deus proíbe expressamente, como: matar, roubar, adulterar, fornicar, adorar ídolos, mentir, dar falso testemunho etc. Paulo está tratando de coisas que não são proibidas pelas Escrituras.

Geralmente, quando não existem proibições declaradas na Bíblia, é onde pairam a maioria das dúvidas, se podemos ou não fazer certas coisas. Porém, nem sempre, ao aplicarmos esse princípio, podemos fazer as coisas sem restrições.

“Todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas convêm.”. Ou seja: pelo livre arbítrio podemos fazer tudo, mas nem tudo é proveitoso. Ainda que as Escrituras não proíbam expressamente isso não quer dizer que as nossas ações sejam proveitosas. A Palavra está nos ensinando que os nossos atos devem gerar algum benefício, tanto para nós como para os outros. Ir a certos lugares pode ser lícito, mas será que é conveniente?  O que eu vou fazer é realmente proveitoso para mim e para outros? “Todas as coisas são lícitas.” Porém, a Palavra acrescenta: “mas nem todas as coisas edificam”. Todas as nossas atitudes deve resultar em edificação, não só para mim, mas também para outros.

2.  NÃO BUSCAR SÓ OS NOSSOS INTERESSES

“Ninguém busque o seu próprio interesse, e sim, o de outrem. Assim como também eu procuro em tudo ser agradável a todos, não buscando o meu próprio interesse, mas o de muitos, para que sejam salvos” (2Co 10:24, 33).

A Palavra está nos dizendo que a nossa conduta sempre gera efeitos sobre outras pessoas. Devemos, portanto, nos empenhar para que em tudo o que fizermos possamos dar bom testemunho, a fim de que o nome de Jesus seja glorificado em nossas vidas.

3.  FAZER TUDO PARA A GLÓRIA DE DEUS

“Portanto, quer comais, quer bebais, ou façais outra coisa qualquer, fazei tudo para a glória de Deus” (2Co 10:31).

Tudo que fazemos deve ser para a glória de Deus. Ele deve não somente ser glorificado nos templos, mas também na nossa vida. Devemos nos perguntar: quantas coisas em nossas lidas diárias são feitas para a glória de Deus? Ou será que buscamos apenas o nosso próprio interesse? Será que o que faço está escandalizando alguém, ou faz alguém tropeçar? “Não vos torneis causa de tropeço nem para judeus, nem para gentios, nem tão pouco para a igreja de Deus” (2Co 10:32).

CONCLUSÃO

Quantas vezes o nome do Senhor tem sido blasfemado por causa dos maus procedimentos de Seus filhos? Quantos têm tropeçado por causa de suas condutas egoístas e alheias aos ensinamentos da Palavra de Deus? Que possamos dizer como Jesus: “A minha comida é fazer a vontade daquele que me enviou” (Jo 4:34).

Publicado em Células
Segunda, 09 Setembro 2019 14:09

O melhor de Deus

Texto:  Atos 3:1-10

INTRODUÇÃO

No fato narrado pelo texto bíblico desta mensagem temos diante de nós um quadro que retrata bem os nossos anseios e necessidades, os quais a religião não pode satisfazer e que somente Deus pode nos suprir.

  1. A RELIGIÃO NÃO TRANSFORMA.

O homem, aquele a que se refere o texto, buscava o seu sustento nas esmolas que lhe eram dadas. Ele se contentava em sobreviver da misericórdia daqueles que lhe davam migalhas, pois era o que ele buscava e conseguia.

Suas necessidades eram, assim, supostamente supridas, mas o mantinha escravo da miséria, da incapacidade e do comodismo. Não imaginava que Deus tinha algo melhor, antes, o que lhe parecia bom, o impedia de pensar que pudesse ter uma vida melhor. Ele era levado à porta do templo, ao lugar aonde pessoas religiosas e piedosas freqüentavam e que, diante do seu clamor, lhe davam alguma esmola. Podemos, com isso, aprender uma lição: a religião não é capaz de nos transformar. O máximo que a religião pode fazer, através das boas obras, é ter compaixão e piedade, usar a benevolência e a solidariedade para aliviar o sofrimento de alguém, mas não pode transformar nem restaurar, nem curar, o que só é possível através da fé em Jesus Cristo.

Deus quer e pode nos transformar, restaurar e curar todas as enfermidades e feridas de alma, pois, na Cruz, Jesus “tomou sobre si as nossas enfermidades e as nossas dores levou sobre si e pelas suas pisaduras fomos sarados” (Is 53:4-5).

2. DEUS NOS OFERECE O MELHOR.

O Senhor não quer nos dar migalhas, Ele vem para nós com Sua cura, nos resgata, nos redime, e nos torna homens e mulheres de verdade. Ele tem poder e pode fazer muito mais do que pedimos ou pensamos, muito mais do que podemos esperar (Ef 3:20). As bênçãos de Deus sempre vêm em abundância. Ele tem o melhor para nos oferecer. O que queremos ou pedimos é sempre uma boa coisa, mas Deus tem o melhor para nós.

Observamos no texto que aqueles que servem a Jesus devem estar preparados e capacitados, pois, em qualquer lugar ou ocasião, poderão ser provados na fé, tendo que demonstrar se aquilo que pregam é verdadeiro. Um servo de Deus deve sempre estar preparado para não ser tomado de surpresa, pois, situações como Pedro e João enfrentaram, não hão de faltar. Portanto, estejamos preparados e capacitados por Deus para, a qualquer momento, sermos instrumentos para operar um milagre.

3. SERVIR A JESUS É UM PRIVILÉGIO.

Servir a Jesus não significa ter prosperidade material ou financeira. Aqui estão dois homens fiéis, cheios do poder de Deus, mas sem um tostão no bolso. Não tinham dinheiro, que é uma coisa boa, mas tinham algo melhor: o poder e a presença de Deus em suas vidas.

Talvez você esteja precisando de um milagre. Creia, aproprie-se pela fé, no poderoso nome de Jesus, do que Ele tem a te oferecer. Com certeza, você quer receber algo bom, mas Deus tem algo melhor, pois Ele nos dá além do que pedimos.

CONCLUSÃO

Como canal de bênçãos para outras vidas, você precisa estar capacitado por Deus e numa vida de comunhão e repleta de fé no Senhor, atento, sensível e disponível para ser usado por Ele.

Publicado em Células
Segunda, 09 Setembro 2019 14:09

O melhor de Deus

Texto:  Atos 3:1-10

INTRODUÇÃO

No fato narrado pelo texto bíblico desta mensagem temos diante de nós um quadro que retrata bem os nossos anseios e necessidades, os quais a religião não pode satisfazer e que somente Deus pode nos suprir.

  1. A RELIGIÃO NÃO TRANSFORMA.

O homem, aquele a que se refere o texto, buscava o seu sustento nas esmolas que lhe eram dadas. Ele se contentava em sobreviver da misericórdia daqueles que lhe davam migalhas, pois era o que ele buscava e conseguia.

Suas necessidades eram, assim, supostamente supridas, mas o mantinha escravo da miséria, da incapacidade e do comodismo. Não imaginava que Deus tinha algo melhor, antes, o que lhe parecia bom, o impedia de pensar que pudesse ter uma vida melhor. Ele era levado à porta do templo, ao lugar aonde pessoas religiosas e piedosas freqüentavam e que, diante do seu clamor, lhe davam alguma esmola. Podemos, com isso, aprender uma lição: a religião não é capaz de nos transformar. O máximo que a religião pode fazer, através das boas obras, é ter compaixão e piedade, usar a benevolência e a solidariedade para aliviar o sofrimento de alguém, mas não pode transformar nem restaurar, nem curar, o que só é possível através da fé em Jesus Cristo.

Deus quer e pode nos transformar, restaurar e curar todas as enfermidades e feridas de alma, pois, na Cruz, Jesus “tomou sobre si as nossas enfermidades e as nossas dores levou sobre si e pelas suas pisaduras fomos sarados” (Is 53:4-5).

2. DEUS NOS OFERECE O MELHOR.

O Senhor não quer nos dar migalhas, Ele vem para nós com Sua cura, nos resgata, nos redime, e nos torna homens e mulheres de verdade. Ele tem poder e pode fazer muito mais do que pedimos ou pensamos, muito mais do que podemos esperar (Ef 3:20). As bênçãos de Deus sempre vêm em abundância. Ele tem o melhor para nos oferecer. O que queremos ou pedimos é sempre uma boa coisa, mas Deus tem o melhor para nós.

Observamos no texto que aqueles que servem a Jesus devem estar preparados e capacitados, pois, em qualquer lugar ou ocasião, poderão ser provados na fé, tendo que demonstrar se aquilo que pregam é verdadeiro. Um servo de Deus deve sempre estar preparado para não ser tomado de surpresa, pois, situações como Pedro e João enfrentaram, não hão de faltar. Portanto, estejamos preparados e capacitados por Deus para, a qualquer momento, sermos instrumentos para operar um milagre.

3. SERVIR A JESUS É UM PRIVILÉGIO.

Servir a Jesus não significa ter prosperidade material ou financeira. Aqui estão dois homens fiéis, cheios do poder de Deus, mas sem um tostão no bolso. Não tinham dinheiro, que é uma coisa boa, mas tinham algo melhor: o poder e a presença de Deus em suas vidas.

Talvez você esteja precisando de um milagre. Creia, aproprie-se pela fé, no poderoso nome de Jesus, do que Ele tem a te oferecer. Com certeza, você quer receber algo bom, mas Deus tem algo melhor, pois Ele nos dá além do que pedimos.

CONCLUSÃO

Como canal de bênçãos para outras vidas, você precisa estar capacitado por Deus e numa vida de comunhão e repleta de fé no Senhor, atento, sensível e disponível para ser usado por Ele.

Publicado em Células
Segunda, 02 Setembro 2019 10:37

Conquistando o Impossível

Texto:  Lucas 6:6-11

 

 

INTRODUÇÃO

A existência humana tem sido marcada pelos impossíveis. E quando esses impossíveis não são solucionados acabam por trazer frustração, desespero ou desânimo. A Bíblia nos dá exemplos de homens que superaram seus impossíveis:

1. SE PREPARE PARA VENCER OS DESAFIOS

Abraão tinha um grande desafio: acreditar que Deus iria fazer com que Sara engravidasse aos 90 anos, sendo ela estéril. E o impossível aconteceu. Josué, também, tinha um grande desafio: acreditar que as muralhas de Jericó iriam cair mediante o tocar das trombetas e o gritar do povo. E as muralhas vieram ao chão. Davi, também tinha um grande desafio: vencer Golias, o gigante filisteu, e pela fé, o derrotou em nome do Senhor dos Exércitos. Percebemos então que, para esses homens o impossível era os grandes desafios que eles precisavam superar. Na verdade os impossíveis sempre surgem diante de nós como grandes desafios que somente pela fé podemos vencê-los.

Aquele homem não escolheu nascer com a mão ressequida, seca, mirrada, porém, era aleijado e tinha diante dele uma realidade a ser superada.

Jesus realizou muitos milagres, mostrando aos homens como superar o impossível, deixando-nos valiosas lições para em Seu nome fazermos o mesmo. Ele realizou aquele milagre mesmo enfrentando a resistência dos fariseus que não permitiam fazer nenhum trabalho no sábado, curar ou coisa semelhante. O grande inimigo daquele homem aleijado eram os escribas e fariseus, eles eram a grande barreira. E nós precisamos nos conscientizar disso para intensificarmos a nossa fé e vencermos os nossos inimigos.

Jesus disse àquele homem: “levanta-te e fica em pé, no meio.” Ele não ficou deitado, mas tomou uma atitude, uma posição. Prontamente, aquele homem não esperou que Jesus viesse até ele, mas levantou-se, foi até Jesus e estendeu logo a sua mão. Aquele homem foi em direção ao milagre.

2. VENCENDO NOSSOS IMPOSSÍVEIS

Precisamos crer que em Cristo Jesus nós venceremos os nossos impossíveis.
Jesus pediu para aquele homem se levantar, nos ensinando que, quem crer nele sempre se levantará e contemplará a vitória. Jesus pediu para ele se colocar no meio, ou seja, quando estamos no centro da vontade de Deus o milagre se realiza porque Jesus está sempre em nosso meio. Foi ele quem disse: “quando dois ou três estiverem reunidos no meu nome, ali estarei no meio deles“. Pela fé, Jesus sempre nos dá a vitória sobre os nossos impossíveis. Assim como fez com aquele homem.

CONCLUSÃO

Quais são hoje os seus impossíveis? Talvez seja a cura de um ente querido, ou ter uma vida financeira equilibrada, ou uma vida sentimental resolvida. Mas isso não importa, O que importa é que você precisa crer que Jesus lhe dará a vitória no tempo certo para a Glória do Seu nome. Amém!

Publicado em Células
Segunda, 02 Setembro 2019 10:28

Conquistando o Impossível

Texto:  Lucas 6:6-11

 

 

INTRODUÇÃO

A existência humana tem sido marcada pelos impossíveis. E quando esses impossíveis não são solucionados acabam por trazer frustração, desespero ou desânimo. A Bíblia nos dá exemplos de homens que superaram seus impossíveis:

1. SE PREPARE PARA VENCER OS DESAFIOS

Abraão tinha um grande desafio: acreditar que Deus iria fazer com que Sara engravidasse aos 90 anos, sendo ela estéril. E o impossível aconteceu. Josué, também, tinha um grande desafio: acreditar que as muralhas de Jericó iriam cair mediante o tocar das trombetas e o gritar do povo. E as muralhas vieram ao chão. Davi, também tinha um grande desafio: vencer Golias, o gigante filisteu, e pela fé, o derrotou em nome do Senhor dos Exércitos. Percebemos então que, para esses homens o impossível era os grandes desafios que eles precisavam superar. Na verdade os impossíveis sempre surgem diante de nós como grandes desafios que somente pela fé podemos vencê-los.

Aquele homem não escolheu nascer com a mão ressequida, seca, mirrada, porém, era aleijado e tinha diante dele uma realidade a ser superada.

Jesus realizou muitos milagres, mostrando aos homens como superar o impossível, deixando-nos valiosas lições para em Seu nome fazermos o mesmo. Ele realizou aquele milagre mesmo enfrentando a resistência dos fariseus que não permitiam fazer nenhum trabalho no sábado, curar ou coisa semelhante. O grande inimigo daquele homem aleijado eram os escribas e fariseus, eles eram a grande barreira. E nós precisamos nos conscientizar disso para intensificarmos a nossa fé e vencermos os nossos inimigos.

Jesus disse àquele homem: “levanta-te e fica em pé, no meio.” Ele não ficou deitado, mas tomou uma atitude, uma posição. Prontamente, aquele homem não esperou que Jesus viesse até ele, mas levantou-se, foi até Jesus e estendeu logo a sua mão. Aquele homem foi em direção ao milagre.

2. VENCENDO NOSSOS IMPOSSÍVEIS

Precisamos crer que em Cristo Jesus nós venceremos os nossos impossíveis.
Jesus pediu para aquele homem se levantar, nos ensinando que, quem crer nele sempre se levantará e contemplará a vitória. Jesus pediu para ele se colocar no meio, ou seja, quando estamos no centro da vontade de Deus o milagre se realiza porque Jesus está sempre em nosso meio. Foi ele quem disse: “quando dois ou três estiverem reunidos no meu nome, ali estarei no meio deles“. Pela fé, Jesus sempre nos dá a vitória sobre os nossos impossíveis. Assim como fez com aquele homem.

CONCLUSÃO

Quais são hoje os seus impossíveis? Talvez seja a cura de um ente querido, ou ter uma vida financeira equilibrada, ou uma vida sentimental resolvida. Mas isso não importa, O que importa é que você precisa crer que Jesus lhe dará a vitória no tempo certo para a Glória do Seu nome. Amém!

Publicado em Células

MiR PARAUAPEBAS

Programações

Blog do MiR PARAUAPEBAS